2009 - 2012 | Avaliação, Modernização e Integração da rede NAVEGAPARÁ com tecnologias de comunicação heterogêneas: Uma abordagem para a inclusão digital e social

2009 - 2012 | Avaliação, Modernização e Integração da rede NAVEGAPARÁ com tecnologias de comunicação heterogêneas: Uma abordagem para a inclusão digital e social

 

Descrição: o presente projeto visa avaliar e propor metodologias para a otimização da rede NAVEGAPARÁ ao acesso as Tecnologias de Informação e Comunicação com vistas a oferecer qualidade de vida aos paraenses. Para tanto pretende-se:· Estudar, propor e validar mecanismos e protocolos de otimização, adaptação e aferição da qualidade de serviços e experiência de conteúdos multimídia (voz e vídeo), e recursos em redes ópticas e sem fio de próxima geração com foco nos protocolos sem fio IEEE 802.11 eIEEE 802.16. (Subprojeto: Otimização Cross-Layer Cognitiva com Suporte à Qualidade de Experiência para Redes Ópticas e Sem Fio).· Estudar, investigar e otimizar a infraestrutura de redes sem fio adotadas para soluções de última milha, extensão do alcance do NAVEGAPARÁ e ambiente do usuário.· Monitorar grandezas climáticas através de redes de sensores sem fio integradas a rede NAVEGAPARÁ com vistas ao monitoramento da fauna e flora, dando condições de se criar uma central de monitoramento e disparar alarmes para que estas autoridades de fiscalização possam atuar de forma planejada e pró-ativa neste contexto. Como as redes de sensores sem fio atuam em uma pequena área, através da integração ao sistema NAVEGAPARÁ será possível criar um conjunto de redes de sensores sem fio para monitorar diversos tipos de grandezas, sendo que a área de atuação poderá ser aumentada através da utilização de links de redes sem fio de acesso a Última Milha. (sub-projeto:Monitoração de grandezas climáticas através de redes de sensores sem fio integradas a rede Navegapará utilizando redes mesh WiMax).- Avaliar, propor e testar a modernização da rede óptica do NAVEGAPARÁ para o contexto de redes ópticas de próxima geração, mais eficientes e versáteis. As redes ópticas de próxima geração, ou também chamadas redes ópticas híbridas, caracterizam-se por utilizar plano de controle mais inteligente e enxuto que as atuais e por tentar diminuir o número de ativos de redes da camada 3.

Situação: Em Andamento

Natureza: Pesquisa

Alunos envolvidos: Graduação (8) / Mestrado acadêmico (4) / Doutorado (2)

Integrantes: Eduardo Coelho Cerqueira / Agostinho Castro / Antônio Jorge Abelém / Dionne Monteiro

Responsável: Gervásio Cavalcante

Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Pará-FAPESPA